Espetáculo Tempo Temporão traz ao palco os saberes ancestrais femininos da Cultural Popular Tradicional – Blog Dégagé
Cultura

Espetáculo Tempo Temporão traz ao palco os saberes ancestrais femininos da Cultural Popular Tradicional

espetaculo-tempo-temporao-traz-ao-palco-os-saberes-ancestrais-feminino-da-cultural-popular-tradicional

Tempo Temporão evoca e homenageia os sentimentos, as emoções e as lutas para a afirmação de uma identidade cultural. Bravo!!!

Em Fortaleza acontece a estreia do espetáculo Tempo Temporão, tão esperado pelo público que aprecia a nossa Cultura Popular Tradicional. O elenco composto por duas atrizes retrata o cotidiano juntando tudo no agora, presente e futuro, no intuito de resgatar e fortalecer as raízes da cultura popular. No argumento do roteiro, a interpretação e vivência passada de cada geração. 

O espaço inicial para receber o espetáculo acontece nos dias 04, 08 e 11 de fevereiro, às 20 horas, no palco do Teatro do Dragão do Mar, mas depois segue em temporada por outros equipamentos culturais de Fortaleza. 

Na Linha do Tempo

Tempo Temporão – O Terreiro da Catirina vem com direção do ator e diretor Pedro Domingues e texto do ator e dramaturgo Ricardo Guilherme, nomes de referência das artes cênicas no Brasil. O espetáculo reverência à Cultura Popular Tradicional. É focada na figura da personagem Catirina, vivida por vó e neta, como totem da resistência feminina da cultura popular e suas adversidades. Celebra e enfrenta, acolhe e incita, entroniza e desafia, transmite e preserva este legado. Assim, de uma geração à outra, esta personagem mítica segue viva, induzida por seu desejo. A sonorização musical foi criada pelo músico Zéis, que envolve toda a marcação das cenas no palco do teatro. 

“Prenhe de alegria, ela é também, grávida de todos os encantos que fecundam bois, reisados, maracatus, cocos, forrós, quadrilhas, penitentes e todo um universo de resiliência e abundância de significados. Enfim, um desejo de exuberância que motiva o fio de uma existência e que ultrapassa o tempo de uma vida, supera a barreira da morte e revive na descendência que perpetua tradições e esperanças”, sinaliza o roteiro. 

Elenco

Edneia Tutti, atriz licenciada em teatro pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia – IFCE, e pelo Curso de Arte Dramática – CAD da Universidade Federal do Ceará – (1993). Integrou como atriz pesquisadora na Associação Radicais Livres (199 – 2005) e na Cia. Pã de Teatro (2007 – 2012). É doutora (2012) e Mestre em Educação (2007) pela UFC, com pesquisas na área teatral – processos de criação e formação do ator. É especialista em gestão e políticas culturais (Universitat de Girona e Observatório Itaú Cultural – 2017). Metodologia do Ensino das Artes (UECE – 2003) e Psicopedagogia (2001 – UECE). Integra o Grupo de Investigação em Arte, Ensino e História – IARTEH /UECE do Grupo de Pesquisa em Drama (IFCE). 

Amália Morais, atriz e produtora teatral. Especializada em Gestão e Políticas Culturais pela Universitat de Girona (Espanha) e Itaú Cultural (2018). Licenciada em Teatro pelo Instituto Federal do Ceará (2015). É formada em teatro pelo curso Princípios Básicos de Teatro do Theatro José de Alencar (2009). No teatro, atuou nos espetáculos Prometeu (20140) do Habitat de atores; Tentativas contra a vida dela (2013), Dom Poder (2010) do grupo Expressões Humanas; A Menina dos cabelos de capim (2010) as Cia. Pã, das Antigas (2010) da Cia.; Vida Cênica, Circolar (2009) no TJA. Participou da residência artística Laboratório da Cena (2016) do Grupo Potiguar Clowns de Shakespeare. No audiovisual atuou nos filmes de curta metragem: Algo mais sobre a fala e o silêncio (2015) do diretor Felipe Camilo, Belizária (2016) com direção de Crasso Santiago.

Assinatura do projeto

O projeto cultural foi contemplado no VII Edital das Artes de Fortaleza – Secultfor. Tem apoio cultural da Prefeitura Municipal de Fortaleza através da Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza. O apoio institucional conta com o Centro Cultural Dragão do Mar, Centro Cultural Banco do Nordeste (CCBN), Instituto Federal do Ceará (IFCE) e Teatro José de Alencar. 

Agradecimentos

Casa Absurda, Cia. Cordapés, Grupo Pavilhão da Magnólia, Cia. Prisma das Artes, Tecesol, Casa de Zoé, Bobox Produções e Grupo Estação de Teatro. 

Ficha Técnica

Texto: Ricardo Guilherme / @ricardoguilherme_rg

Direção: Pedro Domingues

Elenco: Amália Morais e Edneia Tutti @edneiatutti

Direção musical: Zéis @zeis_musica

Direção de arte:  @jomamarcelino

Iluminação: @wfacanha

Cenotecnia: @klebsonalberto @pedrodominguesce @jomamarcelino @rogerioferrazoficial

Produção executiva: @paulasilveira.ce @atelierdoimaginario

Assistente de produção: Edgleisson Sousa

Identidade visual e Fotografia: @tim_oliv

Assessoria de imprensa: @degagecomunicacao

Serviço

Espetáculo Tempo Temporão

Datas: 04, 11 e 18/02, às 20h, Teatro do Dragão do Mar 

Classificação etária: 14 anos

Ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia), na bilheteria do teatro.

0 Comments

Lívia Manzolillo

Reply your comment

Your email address will not be published. Required fields are marked*